A GANÂNCIA

A ganância é um desejo maligno que traz o sofrimento, a angústia, o orgulho, a falta de respeito pelo próximo e muitas outras coisas ruins, porque a pessoa gananciosa não mede esforços para conseguir o que tanto deseja.

Em muitas empresas, as pessoas dizem que a pessoa deve ser ambiciosa para crescer e progredir financeiramente. Mas aos olhos de Deus as pessoas que têm ambição e cobiça são pessoas dominadas por espíritos malignos, porque passam por cima de tudo e de quem atravessar seu caminho para chegar onde querem. A cobiça faz a pessoa trabalhar além de seus limites e causar o mal a outras pessoas. Pois se você quer muito alguma coisa, não ouve os conselhos de pessoas que querem te ajudar e muitas vezes é grosseiro e ignorante com elas. A pessoa gananciosa só quer saber de adquirir o que deseja; não pensa nos outros e muito menos divide o que tem. O dinheiro faz muitas pessoas se tornarem orgulhosas, más e arrogantes. “De fato, a riqueza engana, e as pessoas orgulhosas nunca têm sossego. A sua ganância não tem fim. Elas nunca estão satisfeitas: como o mundo dos mortos, sempre querem mais.” (HABACUQUE 2 v. 5)

Um homem possuía uma pequena empresa, que começou a crescer devido ao seu esforço e de seus empregados. Só que estes foram esquecidos: sempre que lhes pediam ajuda, o patrão não lhes dava a devida atenção.

Um dia esse empresário foi seqüestrado. Os seqüestradores pediram dois resgates, os quais foram pagos, mas mesmo assim mataram o empresário.

Quando seus empregados lhe pediram ajuda, ele devia ter ajudado, pois essa seria a grande oportunidade de mostrar amor ao próximo. Mas, por causa da ganância deu-lhes as costas. Então, vieram os seqüestradores, levaram seu dinheiro e a sua vida. Portanto, para que serviu todo o seu dinheiro, se nem mesmo sua vida pode salvar? Como dizem as Escrituras Sagradas: “Felizes as pessoas que têm misericórdia dos outros, pois Deus terá misericórdia delas. (MATEUS 5 v. 7)

Muitos pensam que Deus é injusto deixando que aconteçam crimes e violências. Todas as barbaridades que acontecem hoje em dia são pela falta de união, de amor e de misericórdia de um ser humano pelo outro, que só pensa em si mesmo. O que Deus pode fazer por alguém que acha que o seu dinheiro é tudo? O ser humano é cego, pois acha que tendo dinheiro, tem tudo na vida e esquece que existe um Deus. Preste atenção nesse ensinamento:

“Então Jesus fez a seguinte comparação:
- Havia um homem rico, cujas terras deram uma grande colheita. Então ele começou a pensar: ‘Eu não tenho lugar para guardar todas essas colheitas. O que é que vou fazer? Ah! Já sei – disse para si mesmo. – Vou derrubar os meus depósitos de cereais e construir outros maiores ainda. Neles guardarei todas as minhas colheitas junto com tudo o que tenho. Então direi a mim mesmo: Homem feliz! Você tem tudo de bom que precisa para muitos anos. Agora descanse, coma, beba e alegre-se! Mas Deus lhe disse: ‘Seu tolo! Esta noite você vai morrer, e quem ficará com tudo o que você guardou?’
Jesus concluiu:
- Isso é o que acontece com aqueles que juntam riquezas para si mesmo, mas não são ricos diante de Deus.” (LUCAS 12 v. 16-21)

Muitos adquirem tanto dinheiro e depois nem sabem como gastar, mas por causa da ganância não têm coragem de repartir com os que necessitam.

É por causa da ganância que acontecem muitas desgraças: vem um ladrão e rouba o que vocês têm, aparecem doenças que não têm cura, vivem deprimidos, amargurados, infelizes, com medo e não têm segurança. Vocês perdem dinheiro em negócios mal feitos, com funcionários desonestos, crises financeiras e vários tipos de golpes, porque não têm a proteção de Deus. Se vocês colocassem em prática os ensinamentos de Jesus nada disso aconteceria.

A ganância faz as pessoas ficarem cegas, escravas do dinheiro e dos bens materiais. Por isso muita gente consegue ter dinheiro, mas em vez de se alimentar melhor, se vestir melhor, ajudar as pessoas, elas guardam o dinheiro para se sentirem seguras. E não percebem que aquele dinheiro guardado não lhe traz nenhum benefício. Quantas pessoas já perderam dinheiro com investimentos que pareciam lucrativos, mas só trouxeram prejuízos? Quantas pessoas tiveram que gastar todas suas economias com problemas que aconteceram em suas vidas? Isso mostra que não é o dinheiro que traz segurança e sim a proteção do Deus Altíssimo.

Por causa da ganância muitos comerciantes perdem (jogam fora) legumes, frutas e verduras e outros tipos de alimentos. Isso acontece porque não têm coragem de vender mais barato para o povo poder comprar. As pessoas que têm condições compram produtos seja qual for o preço, mas quem não tem dinheiro para isso, compraria se fosse mais barato. Isso evitaria o desperdício e ajudaria as pessoas pobres a se alimentarem melhor. Mas os comerciantes só pensam no lucro e não se importam com a necessidade dos outros.

Hoje os agricultores não obedecem ao que Deus ensinou: separar 10% (dez por cento) da sua plantação e repartir com os carentes. Pois, quem vai deixar de ganhar mais dinheiro para ajudar os outros? E o resultado dessa ganância é este: vem a chuva, o sol, o gelo, as pragas, as doenças que destroem grande parte ou todo o plantio. Não seria melhor dar os 10% (dez por cento) que pertence a Deus e ter seu plantio ou sua criação abençoados por Ele? Mas o ser humano não enxerga isso, porque é ganancioso. Como dizem as Escrituras Sagradas: “Se vocês não derem atenção ao que o Senhor, nosso Deus, está mandando e não obedecerem às Suas leis e aos Seus mandamentos que lhes estou dando hoje, vocês serão castigados com as seguintes maldições: não haverá chuva, e o chão ficará duro como ferro. Em vez de chuva, o Senhor Deus mandará pó e areia sobre a terra, até que vocês sejam destruídos. Vocês plantarão muitas sementes, mas a colheita será pequena porque os gafanhotos acabarão com tudo. Vocês farão plantações de uvas e cuidarão delas, mas não colherão as uvas, nem beberão do vinho, pois os bichos acabarão com as plantas.” (DEUTERONÔMIO 28 v. 15, 23, 38-39)

O governo cobra impostos altos, por causa da ganância. Isso faz com que tudo fique muito mais caro. Os governantes não se importam com ninguém; querem ficar cada vez mais ricos à custa do povo. Hoje eles estão com o poder nas mãos e não fazem nada para ajudar. Mas Deus vai cobrar por toda maldade que fazem aqui. “Ai de vocês que fazem leis injustas, leis para explorar o povo! Vocês não defendem os direitos dos pobres nem as causas dos necessitados e exploram as viúvas e os órfãos. O que vocês vão fazer no dia do castigo?” (ISAÍAS 10 v. 1-3)

Muitas empresas exploram seus funcionários, pagam pouco e exigem muito. E muitas pessoas fazem as outras de escravas, se aproveitando da pobreza, da necessidade e da simplicidade dos outros. O Deus Todo-Poderoso é justo e vocês vão pagar caro por tudo de mau que fazem aos outros. Preste atenção nesse ensinamento:

- Não explore o empregado pobre e humilde, que é pago por dia, seja ele israelita ou um estrangeiro que mora na cidade onde você vive. Pague o salário dele no mesmo dia, antes do pôr-do-sol, pois ele é pobre e espera ansioso pelo dinheiro. Se você não pagar, ele gritará a Deus, o Senhor, contra você, e você será culpado de pecado.
(DEUTERONÔMIO 24 v. 14-15)

Então, meus irmãos, façam o que Deus ensina e não deixem que a ganância endureça seus corações.

Que Deus o abençoe!

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS