APOCALIPSE
OU A REVELAÇÃO DE DEUS A JOÃO

Apocalipse quer dizer “revelação”, e por isso este livro se chama também A Revelação de Deus a João (1 v. 1). Foi escrito durante um tempo em que as autoridades romanas estavam perseguindo os cristãos porque eles não prestavam culto ao imperador romano, que chamava a si mesmo de “Senhor” e  “Deus”. O livro foi escrito por João, que estava preso na ilha de Patmos por anunciar a Boa-Notícia do Evangelho (1 v. 9). Ele escreve o seu livro para as sete igrejas da província romana da Ásia (1 v. 4, 11), que ficava numa região que hoje faz parte da Turquia. Ele anima os seus leitores a continuarem fiéis a Jesus Cristo em tempos de perseguições e sofrimentos.

Depois das cartas às sete igrejas (caps. 2-3), João descreve uma série de visões que teve. Elas mostram que as forçam do mal não vencerão, que a vitória pertence a Deus e a Jesus Cristo e que os que continuarem fiéis na sua fé receberão o prêmio da vida eterna no novo céu que Deus vai preparar. João usa figuras estranhas, símbolos e números que os seus leitores entendiam, mas que não seriam entendidos pelas autoridades romanas. Os leitores de hoje têm dificuldade de compreender completamente as visões de João, mas a lição principal do livro é simples e clara: “Agora o poder de governar o mundo pertence a Deus, o nosso Senhor, e ao Messias que Ele escolheu. E o Messias reinará para sempre!” (11 v. 15)

"Neste livro estão escritas as coisas que Jesus Cristo revelou. Deus lhe deu esta revelação para mostrar aos Seus servos o que precisa acontecer logo. Cristo enviou o Seu anjo para que, por meio dele, o Seu servo João soubesse dessas coisas. João contou tudo o que viu, e aqui está o que ele contou a respeito da mensagem de Deus e da verdade revelada por Jesus Cristo. Feliz quem lê este livro, e felizes aqueles que ouvem as palavras desta mensagem profética e obedecem ao que está escrito neste livro! Pois está perto o tempo em que todas essas coisas acontecerão." (APOCALIPSE 1 v. 1-3)

SAUDAÇÕES ÀS SETE IGREJAS

"Eu, João, escrevo às sete igrejas que estão na província da Ásia. Que a graça e a paz lhes sejam dadas da parte de Deus, Aquele que É, que Era e que há de vir; da parte dos sete espíritos que estão diante do Seu trono e da parte de Jesus Cristo, a testemunha fiel! Ele é o primeiro Filho, que foi ressuscitado e que governa os reis do mundo inteiro.

Ele nos ama, e pela Sua morte na cruz nos livrou dos nossos pecados, e fez de nós um reino de sacerdotes a fim de servirmos ao Seu Deus e Pai. A Jesus Cristo sejam dados a glória e o poder para todo o sempre! Amém!
Olhem! Ele vem com as nuvens! Todos o verão, até mesmo os que o atravessaram com a lança. Todos os povos do mundo chorarão por causa Dele. Certamente será assim. Amém!

Eu Sou o Alfa e o Ômega, diz o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que É, que Era e que há de vir." (APOCALIPSE 1 v. 4-8)

JOÃO TEM UMA VISÃO DE CRISTO

"Eu sou João, irmão de vocês; e, unido com Jesus, tomo parte com vocês no Reino e também em agüentar o sofrimento com paciência. Eu estava na ilha de Patmos, para onde havia sido levado por ter anunciado a mensagem de Deus e a verdade que Jesus revelou. No dia do Senhor fui dominado pelo Espírito de Deus e ouvi atrás de mim uma voz forte como o som de uma trombeta, que me disse:
- Escreva num livro o que você vai ver e mande esse livro às igrejas que estão nestas sete cidades: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodicéia.

Eu virei para ver quem falava comigo e vi sete candelabros de ouro. No meio deles estava um ser parecido com um homem, vestindo uma roupa que chegava até os pés e com uma faixa de ouro em volta do peito. Os Seus cabelos eram brancos como a lã ou como a neve, e os Seus olhos eram brilhantes como o fogo. Os Seus pés brilhavam como o bronze refinado na fornalha e depois polido, e a Sua voz parecia o barulho de uma grande cachoeira. Na mão direita Ele segurava sete estrelas, e da Sua boca saía uma espada afiada dos dois lados. O Seu rosto brilhava como o sol do meio-dia.

Quando eu o vi, caí aos Seus pés, como morto. Porém Ele pôs a mão direita sobre mim e disse:
- Não tenha medo. Eu Sou o Primeiro e o Último. Eu Sou aquele que vive. Estive morto, mas agora Estou vivo para todo o sempre. Tenho autoridade sobre a morte e sobre o mundo dos mortos. Portanto, escreva as coisas que você vai ver, tanto as que estão acontecendo agora como as que vão acontecer depois. O sentido secreto das sete estrelas que você viu na Minha mão direita e dos sete candelabros de ouro é este: as sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete candelabros são as sete igrejas." (APOCALIPSE  1 v. 9-20)

MENSAGEM À IGREJA DE ÉFESO

"- Ao anjo da igreja de Éfeso escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem Daquele que está segurando as sete estrelas na mão direita e que anda no meio dos sete candelabros de ouro. Eu sei o que vocês têm feito. Sei que trabalharam muito e agüentaram o sofrimento com paciência. Sei que vocês não podem suportar pessoas más e sei que puseram à prova os que dizem que são apóstolos, mas não são, e assim vocês descobriram que eles são mentirosos. Vocês agüentaram a situação com paciência e sofreram por Minha causa, sem desanimarem. Porém tenho uma coisa contra vocês: é que agora vocês não Me amam como me amavam no princípio. Lembrem do quanto vocês caíram! Arrependam-se dos seus pecados e façam o que faziam no princípio. Se não se arrependerem, Eu virei e tirarei o candelabro de vocês do seu lugar. Mas vocês têm a seu favor isto: odeiam o que os nicolaítas fazem, como eu também odeio.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.
Aos que conseguirem a vitória Eu darei o direito de comerem da fruta da árvore da vida, que cresce no jardim de Deus.'" (APOCALIPSE 2 v. 1-7)

MENSAGEM À IGREJA DE ESMIRRA

"- Ao anjo da igreja de Esmirna escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem Daquele que é o Primeiro e o Último, que morreu e tornou a viver. Eu sei o que vocês estão sofrendo. Sei que são pobres, mas, de fato, são ricos. Sei como aqueles que afirmam que são judeus, mas não são, falam mal de vocês. Eles são um grupo que pertence a Satanás. Não tenham medo do que vocês vão sofrer. Escutem! O Diabo vai pôr na prisão alguns de vocês para que sejam provados e sofram durante dez dias. Sejam fiéis, mesmo que tenham de morrer; e, como prêmio da vitória, Eu lhes darei a vida.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.
Aqueles que conseguirem a vitória não sofrerão o castigo da segunda morte.'" (APOCALIPSE 2 v. 1-11)

MENSAGEM À IGREJA DE PÉRGAMO

"- Ao anjo da igreja de Pérgamo escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem daquele que tem a espada afiada dos dois lados. Eu sei que vocês moram aí onde está o trono de Satanás. Vocês são fiéis e não abandonaram a fé que têm em Mim, até mesmo quando Antipas, Minha testemunha fiel, foi morto aí em Pérgamo, onde Satanás mora. Mas tenho algumas coisas contra vocês: há entre vocês alguns que seguem o ensinamento de Balaão, que mostrou a Balaque como fazer com que o povo de Israel pecasse, dizendo que os israelitas deviam comer alimentos oferecidos aos ídolos e cometer imoralidades. Assim também estão entre vocês alguns que seguem os ensinamentos dos nicolaítas. Arrependam-se! Se não, Eu logo irei até aí e, com a espada que sai da Minha boca, lutarei contra essa gente.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.
Aos que conseguirem a vitória Eu darei do maná escondido. E a cada um deles darei uma pedra branca, na qual está escrito um nome novo que ninguém conhece, a não ser quem o recebe.'" (APOCALIPSE 2 v.12-17)

MENSAGEM À IGREJA DE TIATIRA

"- Ao anjo da igreja de Tiatira escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem do Filho de Deus, que tem olhos que brilham como o fogo e pés brilhantes como o bronze polido. Eu sei o que vocês estão fazendo. Sei que têm amor, são fiéis, trabalham e agüentam o sofrimento com paciência. Eu sei que vocês estão fazendo mais agora do que no princípio. Porém tenho contra vocês uma coisa: é que toleram Jezabel, aquela mulher que diz que é profetisa. Ela leva os Meus servos para o mau caminho, ensinando-os a cometer imoralidade sexual e a comerem alimentos que foram oferecidos aos ídolos. Eu lhe dei tempo para abandonar os seus pecados, porém ela não quer deixar a imoralidade.  Portanto, Eu a jogarei numa cama, onde ela e os que com ela cometem adultério sofrerão horrivelmente. Farei isso agora, a não ser que eles se arrependam das coisas más que fizeram junto com ela. Matarei os seguidores dela, e então todas as igrejas saberão que Eu Sou Aquele que conhece os pensamentos e os desejos de todos. Eu pagarei a cada um de vocês de acordo com o que tiver feito.
Porém aí em Tiatira o resto de vocês não seguiu esse mau ensinamento. Vocês não aprenderam o que alguns chamam de ‘os segredos profundos de Satanás’. Afirmo que não porei mais nenhuma carga sobre vocês. Mas, até que Eu venha, guardem bem aquilo que vocês têm.
Aos que conseguirem a vitória e continuarem a fazer até o fim a Minha vontade Eu darei a mesma autoridade que recebi do Meu Pai: autoridade sobre as nações para governá-las com uma barra de ferro e quebrá-las em pedaços como se fossem potes de barro. Eu lhes darei a estrela da manhã.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.'" (APOCALIPSE 2 v. 18-29)

MENSAGEM À IGREJA DE SARDES

"Ao anjo da igreja de Sardes escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem Daquele que tem os sete espíritos de Deus e as sete estrelas. Eu sei o que vocês estão fazendo. Vocês dizem que estão vivos, mas, de fato, estão mortos. Acordem e fortaleçam aquilo que ainda está vivo, antes que morra completamente; pois sei que o que vocês fizeram não está ainda de acordo com aquilo que o Meu Deus exige. Portanto, lembrem do que aprenderam e ouviram. Obedeçam e se arrependam. Se não acordarem, Eu os atacarei de surpresa, como um ladrão, e vocês não ficarão sabendo nem mesmo a hora da Minha vinda. Mas alguns de vocês de Sardes têm conservado limpas as suas roupas. Vocês andarão Comigo vestidos de roupas brancas, pois merecem esta honra.
'Aqueles que conseguirem a vitória serão vestidos de branco, e Eu não tirarei o nome dessas pessoas do Livro da Vida. Eu declararei abertamente, na presença do Meu Pai e dos Seus anjos, que elas pertencem a Mim.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.'" (APOCALIPSE 3 v. 1-6)

MENSAGEM À IGREJA DE FILADÉLFIA

"- Ao anjo da igreja de Filadélfia escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem Daquele que É santo e verdadeiro. Ele tem a chave que pertencia ao rei Davi; quando Ele abre, ninguém fecha, e quando Ele fecha, ninguém abre. “Eu sei o que vocês estão fazendo. Sei que têm pouca força. Vocês têm seguido os Meus ensinamentos e têm sido fiéis a Mim. Eu abri diante de vocês uma porta que ninguém pode fechar. Escutem! Quanto àquela gente que pertence a Satanás, aqueles mentirosos que afirmam que são judeus, mas não são, Eu farei com que eles venham e caiam de joelhos diante de vocês. E todos eles saberão que Eu amo vocês. Vocês têm obedecido à Minha ordem para agüentar o sofrimento com paciência, e por isso Eu os protegerei no tempo da aflição que virá sobre o mundo inteiro para pôr à prova os povos da terra. Eu venho logo. Guardem o que vocês têm, para que ninguém roube de vocês o prêmio da vitória.
A pessoa que conseguir a vitória, Eu farei com que ela seja uma coluna no templo do Meu Deus, e essa pessoa nunca mais sairá dali. E escreverei nela o nome do Meu Deus e o nome da cidade do Meu Deus, a nova Jerusalém, que virá do céu, da parte do Meu Deus. E também escreverei nela o Meu novo nome.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.'" (APOCALIPSE 3 v. 7-13)

MENSAGEM À IGREJA DE LAODICÉIA

"- Ao anjo da igreja de Laodicéia escreva o seguinte:
'Esta é a mensagem do Amém, da testemunha fiel e verdadeira, Daquele por meio de quem Deus criou todas as coisas. Eu sei o que vocês têm feito. Sei que não são nem frios nem quentes. Como gostaria que fossem uma coisa ou outra!  Mas, porque são apenas mornos, nem frios nem quentes, Vou logo vomitá-los da Minha boca. Vocês dizem: ‘Somos ricos, estamos bem de vida e temos tudo o que precisamos.’ Mas não sabem que são miseráveis, infelizes, pobres, nus e cegos. Portanto, aconselho que comprem de Mim ouro puro para que sejam, de fato, ricos. E comprem roupas brancas para se vestir e cobrir a sua nudez vergonhosa. Comprem também colírio para os olhos a fim de que possam ver. Eu corrijo e castigo todos os que amo. Portanto, levem as coisas a sério e se arrependam. Escutem! Eu estou à porta e bato. Se alguém ouvir a Minha voz e abrir a porta, Eu entrarei na sua casa, e nós jantaremos juntos.
Aos que conseguirem a vitória Eu darei o direito de se sentarem ao lado do Meu trono, assim como Eu consegui a vitória e agora Estou sentado ao lado do trono do Meu Pai.
Portanto, se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam o que o Espírito de Deus diz às igrejas.'" (APOCALIPSE 3 v. 14-22)

ADORAÇÃO NO CÉU

"Depois disso, tive outra visão e vi uma porta aberta no céu. E a voz que parecia o som de uma trombeta e que antes havia falado comigo disse:
- Suba aqui, e Eu mostrarei a você o que precisa acontecer depois disso. Num instante fui dominado pelo Espírito de Deus. E ali no céu estava um trono com alguém sentado nele. O Seu rosto brilhava como brilham as pedras de jaspe e sárdio, e em volta do trono havia um arco-íris que brilhava como uma esmeralda. Ao redor do trono havia outros vinte e quatro tronos, nos quais estavam sentados vinte e quatro líderes, vestidos de branco e com coroas de ouro na cabeça. Do trono saíam relâmpagos, estrondos e trovões. Diante Dele havia sete tochas acesas, que são os sete espíritos de Deus. E em frente do trono havia uma coisa parecida com um mar de vidro, claro como cristal.

Em volta do trono, em cada um dos seus lados, estavam quatro seres vivos, cobertos de olhos, na frente e atrás. O primeiro desses seres parecia um leão. O segundo parecia um touro. O terceiro tinha a cara parecida com a de um ser humano. E o quarto parecia uma águia voando.

Cada um desses quatro seres vivos tinha seis asas, que estavam cobertas de olhos nos dois lados. E dia e noite não paravam de cantar assim:

'Santo, santo, santo É o Senhor Deus,
o Todo-Poderoso,
que Era, que É e que há de vir.'

Cada vez que os quatro seres vivos cantavam hinos de glória, honra e agradecimento ao que está sentado no trono e que vive para todo o sempre, os vinte e quatro líderes caíam de joelhos diante Dele e o adoravam. Atiravam as suas coroas diante do trono e diziam:

'Senhor nosso e nosso Deus!
Tu És digno de receber glória,
honra e poder,
pois criaste todas as coisas;
por Tua vontade elas foram criadas
e existem.'" (APOCALIPSE 4 v. 1-11)

O LIVRO E O CORDEIRO

"Na mão direita Daquele que estava sentado no trono eu vi um livro em forma de rolo. Estava escrito dos dois lados e selado com sete selos. Vi também um anjo forte, que perguntava bem alto:
- Quem é digno de quebrar os selos e abrir o livro?

Mas não havia ninguém, nem no céu, nem na terra, nem debaixo da terra que pudesse abrir o livro e ver o que lá estava escrito. Eu chorava muito porque não se podia achar ninguém que fosse digno de abrir o livro ou de ver o que lá estava escrito. Então um dos líderes me disse:
- Não chore. Olhe! O Leão da tribo de Judá, o famoso descendente do rei Davi, conseguiu a vitória e pode quebrar os sete selos e abrir o livro.

Então vi um Cordeiro de pé no meio do trono, rodeado pelos quatro seres vivos e pelos líderes. Parecia que o Cordeiro havia sido oferecido em sacrifício. Ele tinha sete chifres e sete olhos, que são os sete espíritos de Deus que foram enviados ao mundo inteiro. O Cordeiro foi e pegou o livro da mão direita Daquele que estava sentado no trono. Quando Ele fez isso, os quatro seres vivos e os vinte e quatro líderes caíram de joelhos diante Dele. Cada um tinha nas mãos uma harpa e algumas taças de ouro cheias de incenso, que são as orações do povo de Deus. Eles cantavam esta nova canção:

'Tu És digno de pegar o livro
e de quebrar os selos.
Pois foste morto na cruz e,
por meio da Tua morte,
compraste para Deus pessoas
de todas as tribos, línguas, nações e
raças.
Tu fizeste com que essas pessoas
fossem um reino de sacerdotes
que servem ao nosso Deus;
e elas governarão o mundo inteiro.'

Olhei outra vez e ouvi muitos anjos, milhões e milhões deles! Estavam de pé em volta do trono, dos quatro seres vivos e dos líderes e cantavam com voz forte:

'O Cordeiro que foi morto É digno
de receber poder, riqueza, sabedoria
e força, honra, glória e louvor.'

Então ouvi todas as criaturas que há no céu, na terra, debaixo da terra e no mar, isto é, todas as criaturas do Universo, que cantavam:

'Ao que está sentado no trono
e ao Cordeiro pertencem o louvor,
a honra, a glória e o poder para todo o sempre!'

Os quatro seres respondiam:
'Amém!'
E os líderes caíram de joelhos e o adoraram." (APOCALIPSE 5 v. 1-14)

OS SELOS

"Então vi o Cordeiro quebrar o primeiro dos sete selos e ouvi um dos quatro seres vivos dizer com voz forte como o barulho de um trovão:
- Venha!

Olhei e vi um cavalo branco. O seu cavaleiro tinha um arco, e lhe deram uma coroa de rei. E ele saiu vencendo e conquistando.
Depois o Cordeiro quebrou o segundo selo. E ouvi o segundo ser vivo dizer:
- Venha!

Aí saiu outro cavalo, que era vermelho. O seu cavaleiro recebeu o poder de trazer a guerra ao mundo a fim de que as pessoas matassem umas às outras. E ele recebeu uma grande espada.
Então o Cordeiro quebrou o terceiro selo. E ouvi o terceiro ser vivo dizer:
- Venha!

Olhei e vi um cavalo preto. O seu cavaleiro tinha uma balança na mão. Ouvi o que parecia ser uma voz, que vinha do meio dos quatro seres vivos e dizia:
- Meio quilo de trigo custa o que vocês ganham num dia inteiro de trabalho; e um quilo e meio de cevada custa a mesma coisa. E não misturem água no vinho, nem falsifiquem o azeite.
Depois o Cordeiro quebrou o quarto selo. E ouvi o quarto ser vivo dizer:
- Venha!

Olhei e vi um cavalo amarelo. O seu cavaleiro se chamava Morte, e o mundo dos mortos o seguia. Estes receberam poder sobre a quarta parte da terra, para matar por meio de guerras, fome, doenças e animais selvagens.
Então o Cordeiro quebrou o quinto selo. E vi debaixo do altar as almas dos que tinham sido mortos porque haviam anunciado a mensagem de Deus e tinham sido fiéis no seu testemunho. Eles gritavam com voz bem forte:
- Ó Todo-Poderoso, santo e verdadeiro! Quando julgarás e condenarás os que na terra nos mataram?

Cada um deles recebeu uma roupa branca. E foi dito a eles que descansassem um pouco mais, até que se completasse o número dos seus companheiros no trabalho de Cristo, que eram seus irmãos e que iam ser mortos como eles tinham sido.

Em seguida vi o Cordeiro quebrar o sexto selo. Houve um violento terremoto, o sol se tornou negro como uma roupa de luto, e a lua ficou toda vermelha como sangue. As estrelas caíram do céu sobre a terra, como os figos verdes caem da figueira sacudida por um vento forte. O céu desapareceu como um rolo de papel que se enrola de novo, e todos os montes e ilhas foram tirados dos seus lugares. Então os reis do mundo inteiro, os governadores e os chefes militares, os ricos e os poderosos e todas as outras pessoas, escravas ou livres, se esconderam nas cavernas e debaixo das rochas das montanhas. E gritavam para os montes e para as rochas:
- Caiam sobre nós e nos escondam dos olhos Daquele que está sentado no trono e nos protejam da ira do Cordeiro! Pois já chegou o grande dia da ira Deles, e quem poderá agüentá-la?" (APOCALIPSE 6 v. 1-17)

OS CENTO E QUARENTA E QUATRO MIL DO POVO DE ISRAEL

"Depois disso vi nos quatro cantos do mundo quatro anjos em pé. Eles estavam segurando os quatro ventos da terra a fim de que nenhum vento soprasse sobre ela, nem sobre o mar, nem sobre nenhuma árvore. Então vi outro anjo, que subia do lado leste e que tinha na mão o sinete do Deus vivo. Ele gritou com voz bem forte para os quatro anjos que tinham recebido o poder de fazer estragos na terra e no mar. O anjo disse:
- Não façam estragos na terra, nem no mar, nem nas árvores, até que marquemos com o sinete a testa dos servos do nosso Deus.

Aí me foi dito o número dos que foram marcados: eram cento e quarenta e quatro mil. Eles pertenciam a todas as tribos do povo de Israel, doze mil de cada tribo: de Judá, Rúben, Gade, Aser, Naftali, Manassés, Simeão, Levi, Issacar, Zebulom, José e Benjamim." (APOCALIPSE 7 v.1-8)

A GRANDE MULTIDÃO

"Depois disso olhei e vi uma multidão tão grande, que ninguém podia contar. Eram de todas as nações, tribos, raças e línguas. Estavam de pé diante do trono e do Cordeiro, vestidos de roupas brancas, e tinham folhas de palmeira nas mãos. E gritavam bem alto:
- Do nosso Deus, que está sentado no trono, e do Cordeiro vem a nossa salvação.

Todos os anjos estavam de pé em volta do trono, dos líderes e dos quatro seres vivos. Então eles se jogaram diante do trono, encostaram o rosto no chão e adoraram a Deus, dizendo:
- Amém! Ao nosso Deus pertencem para todo o sempre o louvor, a glória, a sabedoria, a gratidão, a honra, o poder e a força! Amém!

Um dos líderes me perguntou:
- Quem são estes que estão vestidos de branco? De onde foi que vieram?
- Eu não sei. O senhor sabe! - respondi.

Então ele me disse:
- Estes são os que atravessaram sãos e salvos a grande perseguição. São as pessoas que lavaram as suas roupas no sangue do Cordeiro, e elas ficaram brancas. É por isso que essas pessoas estão de pé diante do trono de Deus e o servem de dia e de noite no seu templo. E aquele que está sentado no trono as protegerá com a sua presença. Elas nunca mais terão fome nem sede. Nem o sol nem qualquer outro calor forte as castigará. Pois o Cordeiro, que está no meio do trono, será o pastor dessas pessoas e as guiará para as fontes das águas da vida. E Deus enxugará todas as lágrimas dos olhos delas." (APOCALIPSE 7 v. 9-17)

O SÉTIMO SELO

"Quando o Cordeiro quebrou o sétimo selo, houve silêncio no céu por mais ou menos meia hora. Então vi os sete anjos que estavam de pé diante de Deus, e eles receberam sete trombetas.

Outro anjo veio com um vaso de ouro no qual se queima incenso e ficou de pé ao lado do altar. Ele recebeu muito incenso para juntar com as orações de todo o povo de Deus e oferecê-lo no altar de ouro que está diante do trono. E das mãos do anjo que estava diante de Deus subiu a fumaça do incenso queimado, junto com as orações do povo de Deus. Então o anjo pegou o vaso de incenso, o encheu com fogo do altar e jogou sobre a terra. Houve trovões, estrondos, relâmpagos e um terremoto."
(APOCALIPSE 8 v. 1-5)


 

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS