AVISOS DE DEUS

No livro EU SOU QUEM SOU no capítulo AVISOS DO DEUS ETERNO, Deus nos alertou do que estava para acontecer com pessoas que usavam Seu santo nome para conseguir o que queriam e o que aconteceria com homens que estavam envolvidos em corrupção e todo tipo de coisa errada que prejudicava o próximo. E nos últimos anos temos visto se cumprir o que Ele, o Todo-Poderoso avisou: esquemas foram descobertos, alguns tiveram que sair de seus cargos, outros foram atingidos por doenças, outros foram presos, muitos estão sendo investigados e não vai para por aí. Nesta terra a lei que rege a vida das pessoas muitas vezes beneficia aqueles que agem mal. Porém quando se forem desta terra verão que a Lei de Deus é igual e justa para todos, e aquilo que não pagarem aqui, pagarão no mundo dos mortos.

Deus em Sua misericórdia sempre manda avisos para as pessoas que estão agindo errado para que elas possam se arrepender, se corrigir e receber o perdão dos seus erros.
“Se um homem mau parar de pecar, se guardar as Minhas leis e se fizer o que é certo e bom, não morrerá; é certo que viverá. Todos os seus pecados serão perdoados, e ele viverá porque fez o que é certo. Vocês pensam que Eu gosto de ver um homem mau morrer? - pergunta o Senhor Deus. - Não! Eu gostaria mais de vê-lo arrepender-se e viver.
Mas, se um homem correto deixar de fazer o bem e começar a fazer todas as coisas más e vergonhosas que os homens maus fazem, será que ele vai continuar a viver? Não! Nenhuma das boas ações que ele praticou será lembrada. Ele morrerá por causa da sua infidelidade e dos seus pecados.
- Mas vocês dizem: ‘O que o Senhor faz não está certo.’ Escutem aqui, israelitas! Vocês pensam que o Meu modo de fazer as coisas não está certo? Pois o modo de vocês é que não está. Quando um homem direito pára de fazer o bem, e começa a fazer o mal, e então morre, ele morre por causa do mal que praticou. Quando um homem mau pára de pecar e faz o que é certo e bom, ele salvou a sua vida. Ele compreendeu o que estava fazendo e deixou de pecar; por isso, é certo que ele não vai morrer, mas continuará a viver.
- Agora, Eu, o Senhor Deus, estou dizendo a vocês, israelitas, que vou julgar cada um pelo que tem feito. Arrependam-se de todo mal que estão praticando e não deixem que os seus pecados os destruam. Abandonem todo mal que vêm fazendo e criem dentro de vocês mesmos um coração novo e uma mente nova.” (EZEQUIEL 18 v. 21-28, 30-31)
Mas infelizmente muitas vezes os avisos de Deus são ignorados e por isso as coisas ruins acontecem:
- foi avisado a Adão e Eva que não comessem a fruta da árvore do conhecimento do bem e do mal. Mas desobedeceram e receberam o castigo.
“E o Senhor deu ao homem a seguinte ordem:
- Você pode comer as frutas de qualquer árvore do jardim, menos da árvore que dá o conhecimento do bem e do mal. Não coma a fruta dessa árvore; pois, no dia em que você a comer, certamente morrerá.
Mas a cobra afirmou:
- Vocês não morrerão coisa nenhuma!
Então o Senhor Deus disse à cobra:
- Por causa do que você fez você será castigada. Entre todos os animais só você receberá esta maldição: de hoje em diante você vai andar se arrastando pelo chão e vai comer o pó da terra.
Para a mulher Deus disse:
- Vou aumentar o seu sofrimento na gravidez, e com muita dor você dará à luz filhos. Apesar disso, você terá desejo de estar com o seu marido, e ele a dominará.
E para Adão Deus disse o seguinte:
- Você fez o que a sua mulher disse e comeu a fruta da árvore que Eu o proibi de comer. Por causa do que você fez, a terra será maldita. Você terá de trabalhar duramente a vida inteira a fim de que a terra produza alimento suficiente para você.”
(GÊNESIS 2 v. 16-17 / 3 v. 4, 14, 16-17)

- foi avisado a mulher de Ló que não olhasse para trás ao saírem da cidade de Sodoma, mas ela desobedeceu a ordem do anjo do Senhor.
“Então um dos anjos disse a Ló:
- Agora corra e salve a sua vida! Não olhe para trás, nem pare neste vale. Fuja para a montanha; se não, você vai morrer.
E aconteceu que a mulher de Ló olhou para trás e virou uma estátua de sal.” (GÊNESIS 19 v. 17, 26)

- foi avisado a Faraó, o rei do Egito, que se ele não libertasse o povo de Israel que eram escravos em suas terras, o castigo cairia sobre ele. Em Sua bondade, mesmo o rei se recusando a obedecer Seu aviso, antes de cada praga, Deus mandou que Moisés fosse lhe pedir novamente que libertasse o povo. Como não deu ouvidos, as dez pragas vieram sobre o Egito.
“Então o Senhor Deus disse a Moisés:
- O rei está teimando e não quer deixar o povo sair do Egito.
E assim o rei continuou teimando. Como o Senhor tinha dito, ele não atendeu o pedido de Moisés e Arão. Pelo contrário, ele voltou para o seu palácio, sem se preocupar com o que havia acontecido.
O Senhor Deus disse a Moisés:
- Vou mandar só mais um castigo sobre o rei do Egito e sobre o seu povo. Depois disso ele os deixará ir. Na verdade ele expulsará todos vocês.
Então Moisés disse ao rei:
- O Senhor Deus diz: ‘Perto da meia-noite Eu vou passar pelo Egito, e no país inteiro morrerá o filho mais velho de cada família, desde o filho do rei, que é o herdeiro do trono, até o filho da escrava que trabalha no moinho; morrerá também a primeira cria dos animais. Em todo o Egito haverá gritos de dor, como nunca houve antes e nunca mais haverá. Mas, entre os israelitas, nem mesmo um cachorro latirá para uma pessoa ou um animal. E assim vocês ficarão sabendo que o Senhor faz diferença entre os egípcios e os israelitas.’
À meia-noite, o Senhor Deus matou os filhos mais velhos de todas as famílias do Egito, desde o filho do rei, que era o herdeiro do trono, até o filho do prisioneiro que estava na cadeia; e matou também a primeira cria dos animais. Naquela noite o rei, os seus funcionários e todos os outros egípcios saíram da cama. É que em todo o Egito havia gente chorando e gritando, pois em todas as casas havia um filho morto.”
(ÊXODO 2 v. 14, 22b-23 / 11 v. 1, 4-7 / 12 v. 29-30)

- por muitos anos Deus avisou ao povo de Israel que se não lhe obedecesse coisas ruins aconteceriam. Mas como não quiseram ouvir, passaram quarenta anos para atravessar o deserto e a grande maioria não conheceu a Terra Prometida.
“Então, naquela noite, todo o povo gritou e chorou. Todos os israelitas reclamaram contra Moisés e Arão e disseram:
- Seria melhor se tivéssemos morrido no Egito ou mesmo neste deserto! Por que será que o Senhor Deus nos trouxe para esta terra? Nós vamos ser mortos na guerra, e as nossas mulheres e os nossos filhos vão ser presos. Seria bem melhor voltarmos para o Egito!
E Josué, filho de Num, e Calebe, filho de Jefoné, dois dos líderes que haviam espionado a terra, rasgaram as suas roupas em sinal de tristeza e disseram ao povo:
- A terra que fomos espionar é muito boa mesmo. Se o Senhor Deus nos ajudar, Ele fará com que entremos nela e nos dará aquela terra, uma terra boa e rica. Porém não sejam rebeldes contra o Senhor e não tenham medo do povo daquela terra. Nós os venceremos com facilidade. O Senhor está com a gente e derrotou os deuses que os protegiam. Portanto, não tenham medo.
Apesar disso o povo ameaçou matá-los a pedradas, mas, de repente, todos viram a glória do Senhor aparecer sobre a Tenda Sagrada.
Escutem hoje o que Ele nos diz: ‘Não sejam teimosos, como os seus antepassados foram em Meribá, quando estavam em Massá, no deserto. Ali eles Me puseram à prova e Me desafiaram, embora tivessem visto o que Eu havia feito por eles. Durante quarenta anos, aquele povo Me irritou. Então Eu disse: ‘Que gente de coração perverso! Eles não querem obedecer aos Meus mandamentos!’ Fiquei irado e fiz este juramento: ‘Vocês nunca entrarão na Terra Prometida, onde Eu lhes teria dado descanso.’”
(SALMOS 95 v. 8-11 / NÚMEROS 14 v. 1-3, 6-10)

- foi avisado a Salomão que não se casasse com mulheres estrangeiras. Mas como desobedeceu perdeu grande parte de seu reino e se afastou de Deus, o que causou uma profunda tristeza que ele descreve no livro de Eclesiastes.
“Salomão amou muitas mulheres estrangeiras. Além da filha do rei do Egito, ele casou com mulheres hetéias e com mulheres dos países de Moabe, Amom, Edom e Sidom. Casou com elas, mesmo sabendo que o Senhor Deus havia ordenado aos israelitas que não casassem com mulheres estrangeiras porque elas fariam com que os corações deles se voltassem para outros deuses. Ele pecou contra o Senhor e não foi fiel a Ele como Davi, o seu pai, havia sido.
O Senhor, o Deus de Israel, havia aparecido a Salomão duas vezes e lhe havia ordenado que não adorasse deuses estrangeiros. Mesmo assim, Salomão não obedeceu ao Senhor, mas afastou-se Dele. Por isso, o Senhor ficou muito irado com Salomão e disse:
- Você quebrou a sua aliança comigo e desobedeceu aos Meus mandamentos; por isso, Eu vou tirar o reino de você e vou dá-lo a um dos seus oficiais. No entanto, por amor a Davi, o seu pai, Eu não farei isso enquanto você estiver vivo, mas durante o reinado do seu filho.”
(I REIS 11 v. 1-2, 6, 9-12)

- os profetas falaram ao povo sobre o arrependimento e avisaram que estavam afastados de Deus. Mas como não se arrependeram nem se esforçaram para obedecer ao Deus, Todo-Poderoso, foram levados presos para a Babilônia.
“Vocês não ouviram, nem deram atenção, embora o Senhor continuasse a enviar os Seus servos, os profetas. Eles disseram que vocês deviam abandonar a vida errada que estão levando e as coisas más que estão fazendo. Assim poderiam continuar a viver na terra que Deus deu a vocês e aos seus antepassados para ser sua propriedade para sempre.
Portanto, porque vocês não quiseram escutar as Suas palavras, o Senhor Todo-Poderoso diz:
- Toda esta terra ficará arrasada e será um espetáculo horrível. Todas estas nações serão dominadas pelo rei da Babilônia durante setenta anos.”
(JEREMIAS 25 v. 4-5, 8, 11)

- foi avisado sobre o Messias, como Ele seria, como agiria e como ia morrer, mas mesmo assim o povo não o reconheceu e o condenaram a morte. Então o castigo caiu sobre aquele povo e até hoje sofrem as consequências de terem rejeitado o Filho de Deus.
“Pois o Senhor quis que o Seu servo aparecesse como uma plantinha que brota e vai crescendo em terra seca. Ele não era bonito nem simpático, nem tinha nenhuma beleza que chamasse a nossa atenção ou que nos agradasse. Ele foi rejeitado e desprezado por todos; Ele suportou dores e sofrimentos sem fim. Era como alguém que não queremos ver; nós nem mesmo olhávamos para Ele e o desprezávamos.
‘Ele foi maltratado, mas agüentou tudo humildemente e não disse uma só palavra. Ficou calado como um cordeiro que vai ser morto, como uma ovelha quando cortam a sua lã. Foi preso, condenado e levado para ser morto, e ninguém se importou com o que ia acontecer com Ele. Ele foi expulso do mundo dos vivos, foi morto por causa dos pecados do nosso povo. Foi enterrado ao lado de criminosos, foi sepultado com os ricos, embora nunca tivesse cometido crime nenhum, nem tivesse dito uma só mentira.”
(ISAÍAS 53 v. 2-3, 7-9)

Hoje Deus nos avisa do que está para acontecer. Vivemos num mundo onde o respeito e o amor não estão sendo praticados, os bons costumes não mais ensinados e o povo vive da maneira que quer. Porém nós, como servos de Deus não podemos viver dessa maneira. Precisamos, meus irmãos, ouvir o que o nosso Deus tem nos ensinado. Precisamos ser pessoas boas, com atitudes boas, sentimentos bons para que o castigo não caia sobre nossas vidas.

Não use a Bíblia nem o livro EU SOU QUEM SOU para julgar e condenar as pessoas, mas para mudar sua vida. Coloque em prática o que Deus ensina, seja misericordioso, paciente e tenha amor e respeito pelos outros. Aceite as pessoas como elas são. Não oprima nem humilhe as pessoas querendo que elas sigam a sua religião. Lembre-se de quem você era e veja o que você é agora. Será que você consegue fazer tudo que Deus ensina? Será que você também não peca? Então olhe para seu irmão com amor, respeito e misericórdia, pois é isso que Deus espera de você. Como dizem as Escrituras Sagradas: “Quando Deus julgar, não terá misericórdia das pessoas que não tiveram misericórdia dos outros. Mas as pessoas que tiveram misericórdia dos outros não serão condenadas no Dia do Juízo Final.” (TIAGO 2 v. 13) 

O seu bom exemplo e as suas boas ações podem levar as pessoas a querer conhecer os ensinamentos de Deus. A pessoa que ama e respeita seu próximo, lembra que Deus é o seu Pai e que todos são seus irmãos. Por isso, nunca julgue os outros, porque senão, você fará coisas piores do que aqueles que você está julgando. Lembre-se sempre dos ensinamentos do Mestre Jesus Cristo e ponha em prática o que Ele ensinou.
“Quem ama os outros não faz mal a eles. Portanto, amar é obedecer a toda a lei. Vocês precisam fazer todas essas coisas porque sabem em que tempo nós estamos vivendo; chegou a hora de vocês acordarem, pois o momento de sermos salvos está mais perto agora do que quando começamos a crer. A noite está terminando, e o dia vem chegando. Por isso paremos de fazer o que pertence à escuridão e peguemos as armas espirituais para lutar na luz. Vivamos decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. Nada de farras ou bebedeiras, nem imoralidade ou indecência, nem brigas ou ciúmes. Mas tenham as qualidades que o Senhor Jesus Cristo tem e não procurem satisfazer os maus desejos da natureza humana de vocês.” (ROMANOS 12 v. 10-14)

Muitas coisas ruins estão para acontecer e aqueles que não derem ouvidos aos avisos de Deus, não vão poder escapar. Então, meus irmãos, ouçam a voz do Espírito Santo alertando vocês para mudarem seu modo de agir e buscarem a Deus, o Senhor.
“Portanto, prestem atenção na sua maneira de viver. Não vivam como os ignorantes, mas como os sábios. Os dias em que vivemos são maus; por isso aproveitem bem todas as oportunidades que vocês têm. Não ajam como pessoas sem juízo, mas procurem entender o que o Senhor quer que vocês façam.” (EFÉSIOS 5 v. 15-17) 

Aprenda mais no livro EU SOU QUEM SOU no capítulo O PERIGO DA DESOBEDIÊNCIA.

Que Deus os abençoe!

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS