O AMOR

O amor é um sentimento divino que poucos sentem e conhecem, pois é muito confundido com o gostar, a paixão e a atração sexual. O amor está além da compreensão humana, pois é um sentimento que vem de Deus e supera qualquer dificuldade. O amor vence qualquer batalha. Sem amor somos facilmente vencidos pelo inimigo. O amor traz paz ao espírito, domínio próprio, saúde, satisfação, segurança e o principal: a fé em Deus.

Jesus ensinou as pessoas a amar para que elas fossem felizes e tivessem vida em abundância. Mas nenhum ser humano está colocando em prática o que Ele ensinou, por isso todos vivem estressados, preocupados, ansiosos, vazios e cheios de sentimentos malignos no coração.

Vida em abundância não é ter bens materiais e dinheiro para esbanjar. Viver abundantemente é ser feliz com o que tem; é viver alegre e sorridente; é amar e sentir a presença de Deus; é ter sabedoria para resolver os problemas; é não ser escravo da natureza humana. Quem ama vive bem.

Você já parou para observar como está o mundo em que vivemos? Já parou para analisar o seu dia-a-dia? As pessoas não se respeitam. Onde há várias pessoas juntas, como por exemplo, no trabalho, supermercado, banco, ônibus e até na família, há também a desunião, fofoca, falta de paciência, estresse, aborrecimento e muitas outras coisas ruins. Isso acontece porque não há amor no coração das pessoas: ninguém se tolera mais. Se estiverem numa fila, reclamam o tempo todo, pois não têm paciência. Os atendentes atendem com má vontade, pois não têm respeito pelas pessoas. No trabalho é um querendo ser melhor que o outro, pois há o orgulho e o egoísmo. Na família um quer dar palpite na vida do outro, pois não há o respeito nem união. Em todos os lugares encontramos dificuldades no relacionamento entre as pessoas.

A pessoa que não sente amor nunca está satisfeita com nada, vive estressada, mal-humorada, irritada; é uma pessoa arrogante, orgulhosa e vazia.

O ser humano vive sonhando com uma pessoa que o ame, o trate com carinho, faça coisas para alegrá-lo nos momentos de tristeza, que lhe aconselhe em suas decisões, que lhe acompanhe por toda a vida. O que as pessoas não conseguem enxergar é que Deus faz isso por elas: Ele dá amor, cuida das pessoas, ajuda sempre aos que lhe pedem de coração, orienta quando é consultado e só faz o bem a todos.

Nenhuma pessoa pode preencher o vazio que você tem no coração, porque são seres humanos e assim como você têm fraquezas e defeitos. Esse vazio só é preenchido com o amor de Deus e sem Deus nós somos nada. Você pode ter toda riqueza do mundo, mas no dia em que você sentir o amor de Deus em seu coração, verá que perdeu seu tempo dando prioridade a coisas sem valor.

A pessoa que tem o amor de Deus no coração é calma, tranqüila, paciente e alegre. E é isso que a torna diferente das outras pessoas. Quando você colocar Deus em primeiro lugar em sua vida aprenderá o que é amar de verdade!

Amar os outros não quer dizer que você deve ficar feliz com as pessoas sendo ignorantes com você; não quer dizer que você tenha que apoiar o erro dos outros. Amar é ter paciência com seu irmão (seu próximo); é compreender que se alguém age errado é porque todos têm falhas e defeitos; é respeitar a todas as pessoas seja conhecida ou não independente de cor, religião ou condição financeira; é saber ouvir; é desejar o bem a todos; é saber conviver bem com os outros, não arrumar encrencas ou discussões.

É raro encontrar amor hoje nas pessoas. Por isso o reino de satanás está ficando cada vez mais forte na terra. Quando alguém faz alguma coisa que o ofende ou o prejudica, o ser humano não tem a capacidade de perdoar, porque não tem o amor de Deus no coração. Muitos dizem que perdoam, mas fazem sempre questão de lembrar ao outro o que ele fez de errado. Quem ama não faz essas coisas e procura esquecer o erro do outro. “Quem ama não é grosseiro, nem egoísta. Não fica irritado, nem guarda mágoa. Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo.”
(I CORÍNTIOS 13 v. 5-6)

Satanás vem lutando contra o amor desde o começo do mundo. Conseguiu sua primeira vitória com Adão e Eva, fazendo com que eles desobedecessem a Deus. A sua segunda vitória foi com Caim, que matou seu irmão Abel, por causa da inveja. Nos dois casos faltou amor: se Adão e Eva amassem a Deus não desobedeceriam e se Caim amasse seu irmão, não o mataria. “A mensagem que vocês ouviram desde o princípio é esta: que nos amemos uns aos outros. Não sejamos como Caim, que pertencia ao diabo e matou o próprio irmão. E por que o matou? Porque o que Caim fazia era mau, e o que o seu irmão fazia era bom.” (I JOÃO 3 v. 11-12)

Sem amor o ser humano não obedece a Deus, não tem paciência, não tem misericórdia dos outros, é orgulhoso, invejoso, egoísta, descrente, avarento, ansioso, vive sem esperança, se alegra com a desgraça do outro. E é isso que o inimigo quer: que sejamos desobedientes e maus. “Nós sabemos que já passamos da morte para a vida e sabemos isso porque amamos os nossos irmãos. Quem não ama ainda está morto. Quem odeia o seu irmão é assassino, e vocês sabem que um assassino não tem em si a vida eterna. Quando amamos Deus e obedecemos aos Seus mandamentos, sabemos que amamos também os filhos de Deus. Pois amar a Deus é obedecer aos Seus mandamentos. E os Seus mandamentos não são difíceis de obedecer.” (I JOÃO 3 v. 14-15 / 5 v. 2-3)

Jesus disse: “A maldade vai se espalhar de tal maneira, que o amor de muitos se esfriará.” (MATEUS 24 v. 12) Isso aconteceu por causa da dureza de coração. É por isso que você deve sempre pedir a Deus para que te ensine a amar, tanto os que te fazem o bem, como os que te fazem o mal, para que você não dê brechas para satanás endurecer e fechar seu coração para o amor.

“Vocês sabem o que foi dito: ‘Ame os seus amigos e odeie os seus inimigos.’ Mas Eu lhes digo: Amem os seus inimigos e orem pelos que perseguem vocês para que vocês se tornem filhos do Pai que está no céu. Porque Ele faz o sol brilhar sobre os bons e os maus e dá a chuva tanto aos que fazem o bem como aos que fazem o mal. Se vocês amam somente aqueles que os amam, por que esperam alguma recompensa de Deus? Até os cobradores de impostos amam aqueles que os amam! Se vocês falam somente com os seus amigos, o que é que fazem de mais? Até os pagãos fazem isso! Portanto, sejam perfeitos em amor, assim como é perfeito o Pai de vocês, que está no céu. (MATEUS 5 v. 43-48)

Muitos dirão: “Como posso amar alguém que só me faz o mal? Como vou desejar o bem, se a pessoa só me deseja o mal?” Você deve lembrar que é um pecador e que também já fez mal aos outros. Preste atenção no que o nosso amado e querido Senhor e Salvador Jesus disse quando estava na cruz: “Pai perdoa esta gente! Eles não sabem o que estão fazendo” (LUCAS 23 v. 34)

Ele como filho do Deus Altíssimo e sem pecado poderia ter dito: “Pai destrói essa gente má!” Mas Ele não disse isso porque os filhos de Deus têm amor no coração. Devemos lembrar que temos um Pai que está no céu e não deixa nada passar despercebido: Ele cobra a todos! Por isso, meu irmão, siga o exemplo de Jesus, veja as pessoas com misericórdia porque elas não sabem o que fazem, pois se soubessem o que andam fazendo com os outros e acreditassem na Lei e na justiça de Deus não fariam os outros sofrerem.

Se Jesus não tivesse amor em seu coração não daria Sua vida para nos salvar. Muitos pensam que por Ele ser o Filho de Deus, Ele não sentia o sofrimento como um ser humano. Estão enganados! Ele sofreu perseguições dos que queriam arrumar um jeito de condená-lo. Ele foi tentado por satanás, que queria desviá-lo do caminho de Deus. Ele sentiu as dores de ser surrado e pregado em uma cruz. Ele foi forte, sábio e tranqüilo. Suportou tudo isso porque tinha amor no coração e sua natureza humana dominada pelo Espírito Santo de Deus. Ele é um exemplo de obediência, dedicação e amor. Todos devem agradecê-lo e se espelhar Nele. É claro que nunca chegaremos a ser como Ele, pois Ele é perfeito. Mas podemos ter uma vida melhor se nos dedicarmos e amarmos a Deus e aos nossos irmãos como Ele ensinou.        

A maioria dos seres humanos não sabe o que é o amor. Muitos conhecem a paixão: um sentimento enganoso usado por satanás para iludir, escravizar e afastar as pessoas de Deus, pois quando as pessoas são apaixonadas por alguém ou por alguma coisa ficam cegas e são facilmente enganadas pelo maligno. A paixão traz sofrimento. O amor traz confiança e tudo que é bom.

Por que as pessoas dizem que estão amando e de repente começam a se odiar? Porque muitos dizem que amam, mas na verdade sentem paixões. O amor jamais se transformará em ódio, porque o amor vem de Deus. E Deus não odeia ninguém; Ele tem misericórdia de todos, sem exceção.

Amar uma pessoa não é só dar um buquê de rosas, uma caixa de bombons, jóias, carros ou simplesmente dizer “eu te amo”. Pois muitos fazem essas coisas, mas por qualquer motivo perdem o controle, brigam, ofendem, ficam com raiva, se separam.

Amar é ter paciência nas horas difíceis, se colocar no lugar do outro para saber como o outro se sente; é saber perdoar, admitir quando está errado e pedir perdão. O amor é cheio de boas ações.

O amor é um sentimento construído. É uma semente que precisa ser cultivada para crescer e trazer o bem. Essa história que a pessoa diz que conheceu fulano há uma semana e já está amando, é mentira. O amor começa com um bom sentimento de amizade, carinho e respeito, que com o passar do tempo traz a cumplicidade, a compreensão e a confiança. E é nessa base que o amor vai se firmar.

Ter amor é essencial para viver bem e para que você saiba agir com bondade e sabedoria. Quem ama sabe cultivar uma boa amizade e sabe lidar com qualquer pessoa. Se você não tem amor no coração, você não vive bem, não é um bom marido ou esposa, um bom filho (a), um bom pai ou mãe, um bom amigo (a), um bom profissional.

A maioria dos que estão na igreja também não tem o amor de Deus no coração. Pois se tivessem não seriam orgulhosos, não falariam mal, não julgariam os outros e não haveria desunião dentro das igrejas. Devemos lembrar que sem amor ninguém chega perto de Deus.

O amor é a arma poderosa contra todos os ataques malignos. Só com amor no coração é que podemos derrotar o inimigo. Pois onde há amor, Deus está presente. Por isso você precisa ter amor em seu coração, amar a Deus e amar ao teu próximo.
Jesus venceu satanás e a natureza humana, porque o amor fez com que Ele rejeitasse as propostas do inimigo e da sua natureza humana. Então irmão busque o amor, pois essa foi a arma que deu a vitória a Jesus e que dará a você também. As Escrituras Sagradas e este livro têm vários ensinamentos para quem quer ter uma vida dirigida pelo amor de Deus. “Queridos amigos, amemos uns aos outros porque o amor vem de Deus. Quem ama é filho de Deus e conhece Deus. Quem não ama não o conhece, pois Deus é amor.” (I JOÃO 4 v. 7-8)

Até hoje nenhum ser humano entendeu o gesto de amor que Deus fez, mandando Seu Filho Jesus ao mundo, pois se compreendessem seriam agradecidos a Ele. “Porque Deus amou o mundo tanto, que deu o Seu único Filho, para que todo aquele que Nele crer não morra, mas tenha a vida eterna.” (JOÃO 3 v. 16)        

“Como eu posso sentir o amor de Deus?” Livrando-se de todos os maus costumes: falação da vida alheia, apego às coisas deste mundo, mentira, fingimento, malcriação, orgulho e principalmente nunca deixar que entre em seu coração: ódio, inveja, rancor, raiva e cobiça. Pois com o seu coração limpo e humilde, Deus poderá colocar em você a semente do amor. Cabe a você cuidar para que essa semente cresça: não se aborreça, não fique com raiva, ore e peça a Deus para te ajudar nos momentos em que sua natureza humana estiver falando mais alto que a voz do Espírito Santo. 

O Pai conhece nossas fraquezas e sabe o que se passa na nossa mente e no nosso coração. E está sempre disposto a nos ensinar a sermos felizes. Por isso busque a Deus e peça para Ele te ensinar a amar, a ser misericordioso, paciente e a olhar seus irmãos com amor e respeito.

Ame e seja feliz.

Que Deus o abençoe!

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS