QUEM NÃO TEM PECADO QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA

“Alguns mestres da Lei e fariseus levaram a Jesus uma mulher que tinha sido apanhada em adultério e a obrigaram a ficar de pé no meio de todos. Eles disseram:
 -Mestre, esta mulher foi apanhada no ato de adultério. De acordo com a Lei que Moisés nos deu, as mulheres adúlteras devem ser mortas a pedradas. Mas o senhor, o que é que diz sobre isso?
Eles fizeram essa pergunta para conseguir uma prova contra Jesus, pois queriam acusá-lo. Mas Ele se abaixou e começou a escrever no chão com o dedo. Como eles continuaram a fazer a mesma pergunta, Jesus endireitou o corpo e disse a eles:
- Quem de vocês estiver sem pecado, que seja o primeiro a atirar uma pedra nesta mulher!
 Depois curvou-se outra vez e continuou a escrever no chão.Quando ouviram isso, todos foram embora, um por um, começando pelos mais velhos. Ficaram só Jesus e a mulher, e ela continuou ali, de pé. Então Jesus endireitou o corpo e disse:
- Mulher, onde estão eles? Não ficou ninguém para condenar você?
- Ninguém, senhor! - respondeu ela. Jesus disse:
- Pois Eu também não condeno você. Vá e não peque mais!” (JOÃO 8 v. 3-11)

Queridos irmãos, o Espírito Santo do nosso Pai, o Deus Todo-Poderoso vem mais uma vez nos alertar do perigo que corremos de não sermos  aceitos por Ele por causa das nossas más ações.

A passagem bíblica acima mostra o quanto agimos com hipocrisia, sempre apontando o pecado dos outros, mas esquecendo a podridão que carregamos dentro do coração.

Jesus nos ensinou que devemos amar e respeitar nossos irmãos e, que de forma alguma, devemos julgar e condená-los.
Então por que vivemos criticando, julgando e falando mal uns dos outros?

Porque vivemos nas trevas, por não obedecermos ao que o nosso Senhor e Salvador nos ensinou. E quando deixamos de obedecer ao Mestre Jesus Cristo, passamos a fazer essas coisas malignas.
“De novo Jesus começou a falar com eles e disse:
- Eu Sou a luz do mundo; quem Me segue nunca andará na escuridão, mas terá a luz da vida. Vocês julgam de modo puramente humano; mas Eu não julgo ninguém.
E, se Eu julgar, o Meu julgamento é verdadeiro porque não julgo sozinho, pois o Pai, que Me enviou, está Comigo.”                  (JOÃO 8  v. 12, 15-16)

Todos somos filhos do mesmo Pai, o Deus Todo-Poderoso.  Foi Ele quem nos deu vida. Mas embora alguns tenham tomado caminhos errados,  continuam sendo filhos de Deus e nossos irmãos. Somos uma família, por isso devemos obedecer ao Pai, para sermos usados por Ele para ajudarmos nossos irmãos. Como Pai Deus fica triste em ver Seus filhos sendo usados pelo inimigo para fazer mal uns aos outros. E Ele quer que esses filhos enxerguem o caminho errado que estão seguindo. E Deus conta conosco para trazer nossos irmãos de volta para Ele. Por isso paremos de ofender, de apontar o erro do outro, pois agindo assim seremos reconhecidos como filhos de Deus.

Dê bom exemplo para que quando Deus usar você para falar com seu irmão ele te ouça e enxergue que o caminho que está seguindo é errado. Somos uma família por isso devemos ajudar nossos irmãos e não apedrejá-los. Você pode ver o que for, mas não julgue, não jogue pedras, tenha sempre misericórdia daqueles que estão cegos e escolheram caminhos errados. Ore por eles e peça ao Pai sabedoria para falar com seus irmãos. Lembre-se que você também é um pecador.
“Um fariseu convidou Jesus para jantar. Jesus foi até a casa dele e sentou-se para comer. Naquela cidade morava uma mulher de má fama. Ela soube que Jesus estava jantando na casa do fariseu. Então pegou um frasco feito de alabastro, cheio de perfume, e ficou aos pés de Jesus, por trás. Ela chorava e as suas lágrimas molhavam os pés dele. Então ela os enxugou com os seus próprios cabelos. Ela beijava os pés de Jesus e derramava o perfume neles. Quando o fariseu viu isso, pensou assim: ‘Se este homem fosse, de fato, um profeta, saberia quem é esta mulher que está tocando nele e a vida de pecado que ela leva.’
Jesus então disse ao fariseu:
- Simão, tenho uma coisa para lhe dizer:
- Fale, Mestre! - respondeu Simão.
Jesus disse:
- Dois homens tinham uma dívida com um homem que costumava emprestar dinheiro. Um deles devia quinhentas moedas de prata, e o outro, cinquenta, mas nenhum dos dois podia pagar ao homem que havia emprestado. Então ele perdoou a dívida de cada um. Qual deles vai estimá-lo mais?
- Eu acho que é aquele que foi mais perdoado! - respondeu Simão.
- Você está certo! - disse Jesus.
Então virou-se para a mulher e disse a Simão:
- Você está vendo esta mulher? Quando entrei, você não Me ofereceu água para lavar os pés, porém ela os lavou com as suas lágrimas e os enxugou com os seus cabelos. Você não Me beijou quando cheguei; ela, porém, não pára de beijar os meus pés desde que entrei. Você não pôs azeite perfumado na Minha cabeça, porém ela derramou perfume nos Meus pés. Eu afirmo a você, então, que o grande amor que ela mostrou prova que os seus muitos pecados já foram perdoados. Mas onde pouco é perdoado, pouco amor é mostrado.
Então Jesus disse à mulher:
- Os seus pecados estão perdoados.
Os que estavam sentados à mesa começaram a perguntar:
- Que homem é esse que até perdoa pecados?
Mas Jesus disse à mulher:
- A sua fé salvou você. Vá em paz.” (LUCAS 7 v. 36-50)

“E digo a vocês que muita gente vai chegar do Leste e do Oeste e se sentar à mesa no Reino do Céu com Abraão, Isaque e Jacó. Mas as pessoas que deviam estar no Reino serão jogadas fora, na escuridão. Ali vão chorar e ranger os dentes de desespero.”  (MATEUS 7 V 10-12)

Se prepare para vinda do Senhor, tomando cuidado com os julgamentos que você faz, lembrando sempre que Deus e Jesus estão te observando e que você é um pecador.
“Jesus também contou esta parábola para os que achavam que eram muito bons e desprezavam os outros:
- Dois homens foram ao Templo para orar. Um era fariseu, e o outro, cobrador de impostos. O fariseu ficou de pé e orou sozinho, assim: ‘Ó Deus, eu te agradeço porque não sou avarento, nem desonesto, nem imoral como as outras pessoas. Agradeço-te também porque não sou como este cobrador de impostos. Jejuo duas vezes por semana e te dou a décima parte de tudo o que ganho.’
- Mas o cobrador de impostos ficou de longe e nem levantava o rosto para o céu. Batia no peito e dizia: ‘Ó Deus, tem pena de mim, pois sou pecador!’
E Jesus terminou, dizendo:
- Eu afirmo a vocês que foi este homem, e não o outro, que voltou para casa em paz com Deus. Porque quem se engrandece será humilhado, e quem se humilha será engrandecido.” (LUCAS 18 v. 9-14)

Leia no livro EU SOU QUEM SOU o capítulo A HIPOCRISIA DO SER HUMANO.

Que Deus o abençoe!

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS