VOCÊ SERVE A DEUS OU A RELIGIÃO?

Tem muitas pessoas que acham que estão servindo a Deus, mas na verdade servem a religião. São pessoas escravizadas por doutrinas humanas. Estar na igreja não significa que você seja um servo de Deus. Servir a Deus é amar e obedecer a Seus ensinamentos dentro ou fora da igreja. Então preste atenção na diferença de ser um servo de Deus e um servo da religião. 

O SERVO DE DEUS

O servo de Deus é uma pessoa humilde, mansa de coração, paciente, educada, misericordiosa, está sempre pronto a ajudar e trata a todos igualmente com amor e respeito como Jesus ensinou: “Se tiverem amor uns pelos outros, todos saberão que vocês são Meus seguidores.” (JOÃO 13 v. 35)

O servo de Deus tem a presença do Espírito Santo e é uma pessoa que sentimos prazer de estar com ela, pois sentimos a paz de Cristo.

Quando esse servo fala, só diz palavras que edificam, pois ele sabe falar com sabedoria divina. Quando ele corrige alguém, corrige com humildade, pois ele respeita seus irmãos. Ele dá bom exemplo, não assiste novelas, filmes indecentes, programas de fofoca, não repara nem discrimina os outros, não vive na casa dos outros, não perde seu tempo com bobagens e discussões tolas, pois está sempre alerta vigiando e orando como seu Mestre ensinou. Não se julga melhor do que seus irmãos, não participa de “grupinhos” na igreja, não fala mal nem julga seus irmãos, não xinga, não fala coisas para ofender as pessoas, pois ele sabe que essas coisas não agradam a Deus.

A casa do servo de Deus tem paz, alegria, amor e prosperidade. A família é unida, os filhos o respeitam, pois sabe conduzir com sabedoria divina o seu lar. “Feliz aquele que teme a Deus, o Senhor, e vive de acordo com a Sua vontade! Se você for assim, ganhará o suficiente para viver, será feliz, e tudo dará certo para você. Quem teme ao Senhor certamente será abençoado assim.” (SALMOS 128 v. 1-2, 4)

O servo de Deus não compra pirataria, não participa de coisas ilícitas ou indecentes. Ele não guarda ódio, rancor, mágoas ou revolta em seu coração e não tem inveja dos seus irmãos, pois vive satisfeito com o que Deus lhe dá. Não reclama da vida com ninguém porque leva todos os seus problemas a Deus. Se tiver o que comer agradece; se não tiver agradece do mesmo jeito.

O servo de Deus é feliz, não se irrita com facilidade e respeita seu próximo independente da religião. Vive uma vida dedicada a Deus. Conhece seus defeitos, admite seus erros e pede sempre que Deus o corrija e oriente. Sabe dividir o que tem, sabe quando deve ficar calado e ora pedindo a Deus misericórdia para aqueles que não conhecem a Palavra. Não faz nada para mostrar aos outros e sim para agradar ao seu Senhor. Não é apegado às coisas deste mundo e por isso Deus lhe dá o que precisa.

O servo de Deus ouve Sua voz e obedece aos Seus ensinamentos!

 O SERVO DA RELIGIÃO

O servo da religião não está interessado nos ensinamentos de Jesus. Ele acha que já está salvo; não lê a Bíblia, só lê alguns trechos no culto, fala de Jesus para as pessoas com o interesse de levá-las para sua igreja, mas ele mesmo não sabe o que está fazendo nessa igreja.

Faz coisas erradas mesmo sabendo que desagradam a Deus; só pensa em tirar vantagem em tudo, compra pirataria, assiste novelas, programas indecentes e de fofoca. Tudo que passa na televisão ele sabe, pois não se importa com o que agrada a Deus. Preste atenção nesses maus exemplos:

Um mecânico evangélico vive querendo levar seus clientes para a igreja e chega a ser ignorante com as pessoas. Mas o pior é que ele gosta de levar vantagem em tudo: compra peças roubadas e ainda diz que não foi ele quem roubou e por isso não tem nada demais. Que exemplo ele dá para as pessoas? Tem muitas pessoas iguais a ele que se dizem servas de Deus e dão péssimos exemplos aos descrentes.

Uma irmã conversando com outra, numa fila do hospital, disse cheia de orgulho, que é uma pessoa abençoada e contava as maravilhas que Deus tinha feito na vida dela. Chegou a vez de ela ser atendida e a atendente disse que não tinha mais vagas para aquele dia e que ela poderia marcar para o dia seguinte, pois o médico só atenderia consultas na parte da manhã e à tarde faria somente cirurgias.

A irmã virou uma fera, armou uma confusão, xingou a atendente e disse para a moça com quem estava conversando: “Meu marido não gosta de sair comigo, porque eu armo o maior barraco na rua. Ah! Eu faço mesmo! Não levo desaforo para casa.”

Está claro que essas pessoas não servem a Deus: elas servem às suas religiões. Se servissem a Deus não agiriam dessa forma. Pois o servo de Deus coloca em prática os Seus ensinamentos e não envergonha o nome de Deus.

Essas são as ações do servo da religião:
- julga seu próximo;
- só vive reclamando da vida;
- condena as pessoas pelas vestes;
- é injusto e desonesto;
- fala mal da vida dos outros;
- só vive de fofoca;
- discrimina as pessoas de outras religiões;
- briga por causa do que diz a Bíblia, por achar que sabe mais do que os outros;
- é ignorante;
- xinga;
- fala coisas para ofender as pessoas;
- faz caridades e fala para a igreja toda saber, para se engrandecer;
- dá testemunho falso;
- é mentiroso, invejoso, orgulhoso e cobiçoso;
- só vive discutindo a respeito de religião;
- não tem educação para falar com as pessoas;
- é triste, infeliz e amargo;
- não tem misericórdia dos outros;
- adora outros deuses, faz promessa a “santos”, faz despachos, faz tudo que desagrada a Deus;

Se você é uma pessoa assim, então peça a Deus misericórdia e diga a Ele:

“Senhor me transforma num verdadeiro servo. Liberta-me do mal que há em meu coração, da falação da vida alheia, da cobiça, do ódio, da inveja, da revolta, da mágoa que dominam o meu coração. Livra-me Senhor de todo mau costume e tudo aquilo que Te desagrada.
Dá-me um coração sincero, para que eu não julgue nem discrimine meu próximo. Ensina-me a fazer caridade, a dividir o pouco ou o muito que tenho. Ensina-me a criar meus filhos, a viver bem com meu esposo (a), a olhar para todos com misericórdia, a obedecer aos ensinamentos de Jesus e dar bom exemplo.
Faz-me nascer do Espírito. É em nome de Jesus que eu oro, peço e Te agradeço. Amém.”

Esse é só um exemplo de oração. Peça ao Espírito Santo para te ensinar a orar e trazer para luz todo mal que estiver dentro do seu coração.

Irmão tenha certeza que Deus te ouvirá e o transformará. Deus é amor e onde há amor não habitam o ódio, a inveja, o rancor, a mágoa e a falsidade. Por isso encha o seu coração com o amor de Deus e você será uma nova criatura. “Jesus disse:
- Eu sou a videira verdadeira, e o Meu Pai é o lavrador. Ele corta todos os galhos que não dão uvas, embora eles estejam em Mim. Mas Ele poda os galhos que dão uvas para que fiquem limpos e dêem mais uvas ainda. Vocês já estão limpos por meio dos ensinamentos que lhes tenho dado. Continuem unidos Comigo, e Eu continuarei unido com vocês; pois só podem dar fruto se ficarem unidos Comigo, assim como o galho dá uvas só quando está unido com a planta.” (JOÃO 15 v. 1-4)        

Se você for obediente aos ensinamentos de Jesus, você terá sabedoria e será orientado pelo Espírito Santo e não cometerá esses erros. Leia a Bíblia e peça sabedoria e discernimento ao Espírito Santo para entendê-la. “É o Senhor quem dá sabedoria; a sabedoria e o entendimento vêm Dele. Ele dá ajuda e proteção a quem é direito e honesto. Deus protege os que tratam os outros com justiça e guarda os que lhe obedecem.” (PROVÉRBIOS 2 v. 6-8)

Meus irmãos não sejam servos de religião; sirvam a Deus de todo o coração, com toda a sua alma e com toda a inteligência. Se você não obedece às leis de Deus e não vive uma vida dedicada a Ele, você está sendo escravo de seres humanos e suas doutrinas.

Duas irmãs de uma determinada igreja saíram para evangelizar. Chegaram numa casa onde foram bem recebidas por uma senhora, que mandou elas entrarem e ouviu o que elas tinham para falar a respeito do evangelho. Em seguida disse às irmãs:

“Eu já visitei várias igrejas, comprei uma Bíblia e comecei a ler. Depois com a ajuda do Espírito Santo percebi que Deus poderia transformar toda minha família. Aí, todos os dias eu orava pedindo a Deus que me ensinasse a falar com meus filhos e com meu esposo.

Um dia, guiada pelo Espírito Santo, juntei a família e comecei a falar de Jesus. No começo ficaram surpresos, mas aos poucos foram prestando atenção.

Então começamos a fazer todos os dias, cultos para Deus. Meu esposo que fumava muito, deixou totalmente o vício. Meus filhos que eram muito desobedientes começaram a melhorar, pois quando eu falava que algo era errado e eles mesmo assim faziam, Deus provava para eles que eu estava certa.

Já faz vinte anos que servimos a Deus em nossa casa. Tudo que vamos fazer, primeiramente pedimos ao Espírito Santo que nos responda se é certo ou errado.”

Acabando de ouvir a senhora, as irmãs disseram: “Isso que a senhora está fazendo não tem valor para Deus, pois a senhora não freqüenta uma igreja e por isso não está fazendo parte do corpo de Cristo.”

Irmãos prestem atenção na falta de sabedoria dessas irmãs. Elas desmentiram o que Jesus disse: “E afirmo a vocês que isto também é verdade: todas as vezes que dois de vocês que estão na terra pedirem a mesma coisa em oração, isso será feito pelo Meu Pai, que está no céu. Porque, onde dois ou três estão juntos em Meu nome, Eu estou ali com eles.(MATEUS 18 v. 19-20).

Como é que elas podem afirmar para aquela senhora que o que ela está fazendo não é válido para Deus, se ela está fazendo o que Jesus ensinou?
- Ela o buscou: “Venham a Mim, todos vocês que estão cansados de carregar as suas pesadas cargas, e Eu lhes darei descanso.”
- Pediu o Espírito Santo e recebeu: “Por isso Eu digo: peçam e vocês receberão; procurem e vocês acharão; batam, e a porta será aberta para vocês. O Pai, que está no céu, dará o Espírito Santo aos que lhe pedirem!
- E tratou as irmãs como Jesus ensinou. (MATEUS 11 v. 28 / LUCAS 11 v. 9, 13)

Isso prova que ela colocou em prática as mensagens deixadas por Jesus Cristo. As duas que estão na igreja deveriam fazer o mesmo. Deveriam dar bom exemplo, mas se julgaram melhores por estarem na igreja. Isso mostra que servem à igreja e não a Cristo.

Não adianta você saber que Jesus Cristo é o Salvador, que Ele cura e liberta, dar o dízimo, ir à igreja sem faltar um culto, seguir as normas de sua religião se você só vive desagradando a Deus e fazendo a vontade do homem e de sua natureza humana.

Se entregue a Deus em espírito e em verdade. Adore a Deus com amor e satisfação e não por obrigação. Peça ao Espírito Santo sabedoria e discernimento para entender o que Deus quer de você e peça que Ele te mostre quem você é o que você faz que não agrada a Ele, pois só o Espírito Santo sabe como nos ensinar a agradar a Deus e sabe como doutrinar cada um de nós. Como dizem as Escrituras Sagradas: “‘O Senhor conhece as pessoas que são Dele.’ E também: ‘Toda pessoa que diz que pertence ao Senhor precisa abandonar o pecado.’” (II TIMÓTEO 2 v. 19)

Que Deus o abençoe!

©2011 ALL RIGHS RESERVED / TODOS OS DIREITOS RESERVADOS